RUA JOSÉ BONIFÁCIO, 512, CENTRO

São Bernardo do Campo, SP

O vôo no trapézio, o giro da corda-indiana, a dança na perna-de-pau... Quem nunca ficou em silêncio, imóvel, em estado de suspensão, diante da virtuosidade dos números circenses? Mas não é apenas a virtuosidade que desperta em nós o estado contemplativo. Também aplaudimos o equilibrista que “cai” do arame. Aplaudimos por seu esforço, por seu caráter heróico. Aplaudimos porque o circo desperta em nós aquilo que é inerente ao que está diante de nossos olhos: o lúdico, a coragem, a persistência dos grandes heróis. Reconhecemos na ludicidade dos acrobatas o nosso espírito de persistência, as nossas paixões desenfreadas, a nossa ingenuidade... Mais do que entretenimento, o circo pode nos revelar uma série de elementos que, trabalhados, podem suscitar em nós a sensação, a percepção, a reflexão!